Dicas para trabalhar a linguagem

Falar através de fantoches e/ou bonecos pode ser o primeiro grande passo para as nossas crianças com autismo praticarem as suas capacidades de conversação. Tenho notado que parece mais fácil para alguns dos nossos filhos ter uma conversa comigo se eles ou eu estivermos a falar através de um fantoche ou boneco de plástico. Acho que tal pode acontecer dado que, deste modo, a criança está um pouco mais afastada da interação e intimidade conjuntas de uma conversa direta. As crianças podem responder a perguntas de porquês ou sentimentos mais facilmente, quando "Homem de Ferro" ou "Mickey Mouse" ou o seu personagem favorito está a colocar essas questões. Experimente esta dica e deixe-nos saber qual o resultado, através de um comentário nesta publicação.

Kate Wilde, Professora do The Son-Rise Program® no Autism Treatment Center of America

Etiquetas: , ,