Temos o direito de desfrutar das nossas crianças...

Ás vezes podemos ficar tão atrapalhados a tentar “consertar” e “salvar” as nossas crianças, a tentar conformar-nos que a “pressão” exterior as vai alterar, que nos esquecemos de desfrutar e aproveitar as crianças que temos agora. As nossas peculiares, divertidas, lindas e magníficas crianças. As mesmas crianças que tínhamos antes de serem diagnosticadas com o transtorno do espetro do ‪#‎autismo.
Tem o direito de ‪#‎DesfrutarDaSuaCriança. Tem o direito de se divertir com a sua criança. Não tem de tentar ensinar a sua criança a cada segundo (nem mesmo todos os dias!).

Quando se permite saborear o seu tempo com a sua criança, a abraça-la exatamente como ela é, está a abrir a porta para que algo verdadeiramente especial aconteça entre si e a sua criança. É como se acendesse uma faísca que fosse incendiar a transformação.



Raun K. Kaufman 

Etiquetas: , ,