5 armadilhas das férias e como evitar

1) Focar nos comportamentos das suas crianças
Habitualmente focamo-nos em conseguir que a nossa criança se “comporte” durante as férias. Mas as nossas crianças fazem o que fazem por um motivo! Se ela estiver a fazer estereotipias, terá as suas razões. Permita que elas cuidem de si próprias dessa forma. Se a sua criança estiver a bater ou a gritar, tente focar-se em celebrar com ela sempre que ela for gentil.

2) Surpreender a sua criança
Mesmo que a sua criança não seja verbal, explicar antecipadamente o que vai acontecer e porque será divertido será um grande passo para minimizar as birras e maximizar a cooperação.

3) Esperar que a sua família entenda
Se vai visitar um familiar com a sua criança, envie-lhe um e-mail a explicar o que pode fazer para tornar a visita agradável para a sua criança.

4) Não deixar saída
Se vai a casa de alguém com a sua criança atribua, antecipadamente, uma sala ou um espaço tranquilo onde a sua criança pode descomprimir, assim que comece a ficar sobrecarregada com toda a confusão e mistura de sensações, que normalmente ocorrem nestas situações.

5) Ver o embrulho em vez do presente
Não faz mal pensar em coisas giras (presentes, passeios, uma árvore), mas lembre-se que isso são só enfeites. Não são o presente, são só o embrulho. O presente é a sua criança especial. O presente é partilhar o amor e a doçura com as pessoas de quem gosta.

Estamos todos a torcer por si e desejamos-lhe o melhor!



Raun K. Kaufman

Etiquetas: , ,